quinta-feira, 3 de maio de 2012

Resenha: Preciosa

Nome: Preciosa
Autor: Saphire
Editora: Record




Epígrafo:

Toda folha de grama tem seu Anjo que se curva sobre ela e sussurra: “Cresce, cresce.”
O Talmude


Precious é muito gorda, analfabeta, vive com a mãe (que lhe espanca e abusa sexualmente dela) no Harlem, em Nova York, aos 12 anos tem o primeiro filho do próprio pai e aos 16 espera o segundo, novamente do estupro do pai.

Me interessei por este livro, pois já tinha ouvido falar muito sobre o filme e que até hoje não assisti, não sei dizer porque.
Sem uma noção exata do que se tratava, tomei um susto quando comecei a ler a primeira pagina, até folhei um pouco para frente para ver se a narrativa era assim mesmo. ( O primeiro capitulo está aqui) Pois o livro é como um diário de Claireece Precious Jones, a tal da Preciosa. Sua realidade me arrebatou, me arrasou completamente, li até muito tarde e no dia seguinte acordei as 5 da manhã de sábado para termina-lo, depois corri ao Google para pesquisar se era uma história real. E a resposta foi: sim. Não que existisse uma menina chamada Precious, mas o relatos são reais, descritos pela autora Saphire que trabalhava no Bronx, bairro mais pobre de Nova York, lá dava aulas para meninas com dificuldades de aprendizado, que lhe relatavam suas vidas e suas misérias.

O romance foca na vida de Precious desde o nascimento de sua primeira filha que tem síndrome de Down, até a gravidez do segundo e em todo o processo árduo de aprendizado, de busca por dignidade e confiança, esmagadas desde muito cedo.
O livro fala sobre violência domestica, estupros, pobreza e preconceitos de vários tipos, mas no meio desse horror todo temos uma menina de apenas 16 anos, que sofre desde bebê e que ainda tem esperanças. Precious sonha em ser magra e famosa, sonha em ter um namorado que a acha bonita, sonha em aprender a ler e conseguir cuidar dos filhos. Após ser expulsa da escola por estar gravida, Precious é encaminhada para uma nova e lá conhece a professora Blue Rain, que mais do que ensinar, lhe respeita. Um aprendizado novo que a fortalece e lhe dá apoio para continuar, junto com novas amigas que passaram por outros tantos abusos.

Impossível não torcer por Precious, impossível não odiar seus pais, seu bairro e a cultura racista dos anos 80. A linguagem do livro é a linguagem falada da menina (por isso estranhei tanto no inicio) e durante seus primeiros passos na alfabetização passam de falado para a linguagem escrita:

"Os ano tod eu sta na sl nuc apeni (os anos todos eu sentava na sala e nunca aprendia) mas tv neem de nov Neem me pai (mas tive neném de novo, o Neném é do meu pai)".


Recomendo este livro com essas pequenas ressalvas: leitura forte e muito tensa. Acho que todo amante de literatura deve lê-lo um dia. O Trailer está aqui e o filme já está no meu computador, vou assisti-lo hoje mesmo. =D
Bjos a todos.


33 comentários:

  1. Fernanda, confesso que comprei o filme mas acabei não assistindo-o até hoje, e olha que o filme não é novo, hein.

    Não sabia do livro, achei que era só o filme mesmo. Fiquei curiosa e tentada a lê-lo, ainda mais pela forma de escrita que a autora utilizou. Há um tempo atrás, li um livro chamado Quarto, que é narrado por um garoto de 5 aninhos e super curti a narrativa. Acho que esse livro seria mais um desafio pra mim rs
    O problema é que a historia é forte, né? :/

    Beijos,
    Caroline, do http//criticandoporai.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Também não sabia que o filme era baseado num livro. Já vi o filme algumas vezes e sempre recomendo. O filme realmente não é leve. Mas a vida para algumas pessoas também não é, e se elas aguentam, nós também aguetamos. Principalmente por que para nós é somente um filme.
    Quando a atriz que interpreta a mãe de Preciosa, Mo'Nique, recebeu o Oscar de Melhor Atiz Coadjuvante, ela declarou que não sabia como havia conseguido fazer a cena final em que ela conversa com a personagem de Mariah Carey, uma assistente social. Enquanto encenava ela imaginava, sua mãe falando todas aquelas explicações sem sentido. Mo'Nique, declarou que sofreu abusos enquanto criança, e no filme ela é a mãe omissa e também abusadora. Tudo é forte, nada é florido. Só os lindos pensamentos de fuga da realidade de Preciosa.
    Beijos e mais uma vez obrigada por seu blog

    ResponderExcluir
  3. A história parece interessante e já ouvi falar bastante, mas pelo menos por enquanto, o que menos quero são narrativas muito tensas.

    ResponderExcluir
  4. Parece ser uma história bastante interessante, gostei :) A resenha ficou muito bem feita e vou por o livro na minha lista!
    http://www.senhoritaliberdade.com

    ResponderExcluir
  5. Fernanda, só escuto falarem muito bem do filme. Gosto de histórias densas, com personagens com uma forte história pessoal, e pelo que sei do filme, e pelo que você falou do livro, acredito que esta deve ser uma ótima leitura. Apesar de gostar de tais histórias, dói saber que essa é a realidade de muitas pessoas; mas ler livros assim faz-se importante para não nos esquecermos disso, que para muitos, isso é real.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  6. Tenho muita vontade de assistir o filme, mas não sabia da existência do livro, mas fiquei com muita vontade de lê-lo, parece ser uma história muito interessante.
    Beijos.

    http://palavrasdeumlivro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Eu assisti o filme, e apesar de ser super tenso e com um conteúdo que não dá pra, por exemplo,ver com a família num domingão, é maravilhoso.
    Nem sabia que tinha um livro, mas acho que deve ser uma dessas leituras obrigatórias mesmo. E apesar de achar o filme forte, acho que ele deveria ser assistido sem nenhum preconceito (assim como Confiar, que toca em um assunto super delicado, mas que pra mim toda familia deveria assistir).

    taiyounorakuen.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. oiee,
    este filme é MUITO bom, mas tambem muito triste :( quero ler o livro tambem, deve ser melhor ainda!!
    boa semana
    ;*

    ResponderExcluir
  9. Nossa! Não conhecia nem o livro e nem o filme, fiquei com vontade de ler e assistir!
    Gosto de estórias assim, fortes, que meio que me testam, sabe?
    Triste é saber que é tudo verdade, né :/
    Adorei o blog e a resenha. Também estou seguindo (:

    Beijos.

    ResponderExcluir
  10. Nossa Fernanda, fiquei muito curiosa para ler este livro.
    E também não vi o filme ainda, sempre prefiro ler o livro primeiro. Espero que o filme seja tão bom quanto o livro, pois quase sempre fico decepcionda.
    Bj!

    Katielle
    www.leituramaravilhosa.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  11. Oi Fernanda!
    Não vi o filme nem li o livro, mas lembro que o filme ganhou vários prêmios na época dele.
    Acho que também ficaria revoltada com várias coisas na história.

    Beijos,
    Sora - Meu Jardim de Livros

    ResponderExcluir
  12. Nossa, nunca imaginei que o livro/filme tratava sobre esse assunto. Sempre achei que, pela capa, fosse uma história totalmente diferentes. Adoro esses livros que tratam de histórias reais, principalmente se o personagem passou por algo muito grande ou traumático em sua vida. Gosto de ver o evoluir dele. Fiquei interessada no livro, apesar de achar que a narrativa, escrita do jeito que ela fala, deve ser cansativa.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Ainda não vi o filme e nao tive oportunidade de ler o livro... :(
    Adorei sua resenha, eu gosto de livros fortes,.

    beijos
    http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Sua resenha ficou perfeita!
    Não sabia que o tema era esse, pensei que era uma história bem diferente.
    Vou ver o filme ;)

    Beijinhos
    Renata
    http://escutaessa.blogspot.com.br
    http://www.facebook.com/BlogEscutaEssa
    @blogescutaessa

    ResponderExcluir
  15. Oi, Fernanda!

    Não sabia da existência desse livro [nem do filme]. Que história tensa! Nossa... E confesso que fiquei muito interessada. Gosto bastante de livros assim, que trazem uma realidade mais dura, com personagens que nos causam repulsa. Espero ter oportunidade de lê-lo um dia.

    Beijos,
    Amanda — Lendo & Comentando
    ^_^

    ResponderExcluir
  16. Fiquei impactada, chocada, triste só de ler a resenha, imagina quando ler. Uma pessoa viver isso, que pesadelo deve ser.

    ResponderExcluir
  17. Boa tarde Fernanda,

    Esse livro deve ser ótimo, parab[ens pela resenha..abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  18. Ouvi falar muito do filme, também não sei porque nunca assisti, talvez por medo da minha reação. Mas lendo a resenha agora, tô com mais curiosidade é de ler o livro! Li por alto a história dela e meu deus, é possível alguém nascer para sofrer tanto assim ? Adorei a resenha, me tocou.

    Tô te seguindo também, Fê ! Beijos ;)
    Mih - CheiroLivros.com

    ResponderExcluir
  19. Eu já me choquei o bastante com a história de Precious assistindo ao filme, acho que ler seria ter que me deparar com mais uma tortura. Achei muito forte, e muito emocionante. Beijão

    ResponderExcluir
  20. Lembro que minha mãe viu esse filme e se chocou bastante também, mas gostou por ser um bom filme. Não sabia que tinha livro! Agora eu quero ler ;x Acho que preciso de uma leitura forte assim, apesar de saber que vou chorar muito porque sou sensível demais >< rs.
    Quero muito ler e espero conseguir *_*

    Beijos, Nanda
    www.julguepelacapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  21. Oi Fê!
    Adorei a resenha,me arrepiei só de ver o trailer,quanto sentimento!Parabéns pela escolha.

    Se puder passa lá no blog,temos editora nova como parceira e precisamos da força doas amigos.
    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  22. Achei a história interessante e a resenha muito bem feita, o que me fez ficar com vontade de ler. Não o conhecia, nem sabia que tinha filme e vou ver se procuro saber mais!

    Beijokas,
    Gislaine
    {Atualizado: http://jeito-inedito.blogspot.com}
    Ah, seguindo aqui!! ;)

    ResponderExcluir
  23. Eu não estou em um bom momento para ler livros tensos desse jeito. E olha que vergonha, eu nem sabia que era um livro, achei que só tinha um filme. Ignorância né?

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
  24. Eu assisti boa parte do filme, queria ver desde o começo, a história é bem forte mesmo, claro que me fez chorar e muito em algumas partes, bah, não sabia que tinha o livro, me interessei e muito!

    Beijos
    http://mon-autre.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  25. Oi, Fernanda!

    Primeiro, obrigada por passar lá no blog... Volte sempre!!!
    Eu assisti o filme, mas não sabia que tinha um livro.
    Adori a resenha... E o livro deve ser realmente tenso. O filme já é bem chocante e emocionante e geralmente a leitura é mais forte ainda.
    Pode ser que um dia eu leia... Quem sabe?!

    Beijos, Ká!!!

    ResponderExcluir
  26. Oi flor,
    Já ouvi falar no filme, mas não sabia que tinha um livro.
    Me pareceu uma história bem interessante. Vou colocar na minha lista quem sabe eu gosto ^^
    Boa semana
    Beijos
    Mari - Blog Stories And Advice
    http://marifriend.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  27. Ouvi falar muito bem desse filme, e se não me engano, a autora ganhou um Oscar, não é?
    Quero muito ler o livro, deve ser realmente uma lição de vida. Adorei teu blog, estou seguindo já.
    Beijão querida
    Bruna Reis
    http://desbravandohistorias.com.br/

    ResponderExcluir
  28. Olá,
    Primeira vez que ouço falar tanto do livro, quanto do filme, e depois de ler sua resenha e assistir o trailer, percebi que se trata de um enredo muito forte. No momento não tenho vontade de ler o livro, mais quem sabe eu não assista o filme só para saber o que acontece com a Preciosa.
    *bye*

    Louca por Romances

    ResponderExcluir
  29. Olá! Tudo Bem! Meu nome é Ulisses e visitei o seu Blog.
    Gostei e estou seguindo. Adicionei ao meu se não se importa.
    Também tenho 4 blogs e gostaria que você o visitasse.
    E se possível entrar como seguidor. Obrigado
    Os meus blogs são:
    http://truquedevida.blogspot.com.br/
    http://olhosdnoite.blogspot.com.br/
    http://melquisarcarde.blogspot.com.br/
    http://concientein.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  30. Olá, Fernanda!
    Já tinha ouvido falar do filme, mas não do livro. Tenho certeza de que a história deve ser muito interessante - além de reflexiva!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  31. Não li o livro e nem vi o filme, ams histórias de superação me cativam. Tenho uma queda por pesonagens sofridos, acho que essa história mexeria demais comigo.

    Seguindo aqui =)

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  32. Oi, Fernanda! ^^

    quando vi que você tinha resenhado Preciosa vim correndo ler pq desde que lançou o livro sempre me atraiu nas prateleiras, mas eu sempre fujo dele para "um dia ler". Assim como o livro Quarto!!

    Muito covarde, né?? Fugir dessas realidades, mesmo que em livros e continuar fingindo ignorância no meu mundinho perfeito! hehehe

    Mas sua resenha me deu uma nova força para ir atrás deles e lê-los. Sei que vou me impressionar muito (pra quem chora em término de romancezinho adolescente, quem dúvida?) e chorar horrores..

    Mesmo assim a vontade de ler um livro desses, meio tapa da realidade, sempre me bate! =]

    bjos

    ResponderExcluir
  33. Oi Fê!
    A minha sensação ao ler esse livro foi de quase não aguentar de tanta pressão, teve horas que EU não aguentava mais e via que a Precious conseguia se reerguer apesar do caos ao redor dela, apesar disso foi uma leitura que fiz toda em um dia, realmente não é para o fracos, mas é ótima pra quem quer ter uma noção da realidade fora da sua zona de conforto. Parabéns pela resenha!

    herdeiradelivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir